Alunos da rede municipal encerram com festa atividades do Programa Forças no Esporte

Alunos da rede municipal encerram com festa atividades do Programa Foras no Esporte

Ao som do Hino Nacional brasileiro, entoado pela Banda de Música da Base Área de Salvador, os mais de cento e cinquenta alunos da rede municipal de ensino de Lauro de Freitas que fazem parte do Programa Forças no Esporte (Profesp), participaram nesta quarta-feira (13), da cerimônia de encerramento das atividades de 2017. Apresentações de dança, artes marciais e canto emocionaram a plateia que lotou a arquibancada da Concha Acústica de Lauro de Freitas para celebrar o desempenho e evolução dos integrantes durante o ano.

Fomentado pelo Ministério da Defesa por meio da Marinha, Exército e Aeronáutica, e em parceria com os Ministérios do Esporte e Secretária Municipal de Educação (SEMED), o programa promove o desenvolvimento esportivo na faixa etária de 7 a 13 anos. “Entendemos que educação não é necessariamente o que se faz dentro de uma escola, mas com integração de políticas que tratam da educação como um todo com inclusão social”, afirmou a prefeita Moema Gramacho.

Os garotos em sua totalidade são moradores do bairro de Areia Branca e Itinga e estudantes das escolas municipais Tenente Gustavo, Capiarara, Capitulino, Esfinge, Amauri Montalvão, Edvaldo Boaventura, Barro Duro e Eurides Santana. De acordo com o gestor da SEMED, Paulo Gabriel Nacif, a seleção respeita os riscos de vulnerabilidade entre os jovens. “Esse programa serve de exemplo para propostas que surgirão em 2018 voltadas para a educação de tempo integral. Aqui são revelados talentos e priorizado o ensino com cidadania”, disse ele.

De segunda à quinta-feira, sempre pela manhã, os alunos tomam conta dos gramados, quadras, piscinas, tatames e teatro da Ala 14 (Base Aérea). Além de receber orientações dos professores para as práticas de futebol, voleibol, judô, basquete, corrida de orientação e natação eles também são acompanhados pelo serviço médico, odontológico e de assistência social.

Os jovens recebem o fardamento, locomoção e fazem três refeições durante os intervalos das atividades. “Estou muito orgulhosa em concluir mais uma edição com o apoio e parceria da Prefeitura de Lauro de Freitas que sempre esteve ao nosso lado cedendo o necessário para o bom andamento do programa”, destacou a coordenadora do Profesp, tenente-coronel Iara Nascimento. Ela informou que para o ano de 2018 haverá ampliação das vagas, a estimativa é de que 350 crianças e adolescentes sejam beneficiados.

Animados e dotados de uma energia inesgotável a garotada mostrou através das apresentações o que aprendeu durante as aulas. O palco da Concha foi tomado por tatames para que os judocas entrassem em cena. Também não faltou fôlego para o grupo de dança. Vestidos a caráter eles fizeram performances com os ritmos do hip hop, funk e axé. O grupo da Lagoa dos Patos Meninos do Batuque não deixou ninguém ficar parado com seus instrumentos percussivos feitos a partir de material reciclado, e o Coral da Base Aérea, composto pelas crianças, emocionou a quem assistiu aos pequenos cantarem o clássico natalino “Hallelujah”.

Entre os estudantes estava Alana Souza, de 11 anos. A aluna do colégio Amauri Montalvão foi a campeã 2017 da Corrida Estadual de Orientação. Emocionada ela mostrou com orgulho a medalha que conquistou no campeonato. “Eu fui inserida no esporte a partir do Profesp e posso dizer que encontrei a minha paixão. Pretendo continuar me aprimorando e quem sabe ir além”, contou. Ao seu lado Fabiana Matos, que também faz parte do programa, disse enxergar a amiga como uma inspiração.

Todas as crianças ainda receberam brinquedos doados pela empresa Nova Brinque, situada no Bairro de Vida Nova, e participaram do sorteio de uma bicicleta oferecida pelo vereador Roque Fagundes. O sortudo Wenderson de Souza subiu ao palco da Concha para receber seu prêmio ao som do coro “ele merece”.