Com Brown, último ensaio do Bankoma agita galera em Lauro de Freitas

Com Brown, ltimo ensaio do Bankoma agita galera em Lauro de Freitas

No cenário natural do Parque Ecológico, o Bloco Afro Bankoma encantou o público que foi prestigiar a oitava edição do Encontro Mauanda. O ensaio do bloco é realizado tradicionalmente no Pelourinho, mas este ano Lauro de Freitas foi presenteada com o evento no município. Realizado na tarde deste sábado (27) o último ensaio do bloco antes do Carnaval contou com a participação especial de Carlinhos Brown.

“O Bankoma é um patrimônio do mundo junto com o Terreiro São Jorge Filhos da Gomeia que está completando 70 anos, assim como os filhos de Gandhy. A população tem que tomar posse da sua história, essa cidade foi construída pela força espiritual”, declarou o Cacique que também fez referência a força das mulheres no município. “Eu sinto que a quantidade de mulheres que está aqui em torno dessa realização é um ponto que temos que ter atenção. Aqui o matriarcado é forte com a presença de Mameto, e não é à toa que Lauro de Freitas tem uma prefeita. Então acredito que torna as coisas muito mais sensíveis”.

Brown trouxe sucessos como Obaluaê, Muito Obrigado Axé, Ginga de Balé e Você o Amor e Eu. O público acompanhou o Cacique fazendo um coro em todas as canções embaladas pela percussão do Bankoma e com o brilho especial do balé do bloco afro de Lauro de Freitas. Para a prefeita Moema Gramacho foi uma honra a realização do Encontro Mauanda em Lauro de Freitas e com a participação de Carlinhos Brown.

“É gratificante ter um terreiro que completa 70 anos de história resgatando as origens, mantendo a tradição, fazendo um brilhante trabalho social a exemplo do Bankoma que mostra a cultura de Lauro de Freitas para a Bahia e para o mundo. E realizar esse evento no Parque Ecológico resgata a possibilidade concreta de ter em Lauro de Freitas um espaço cultural que valoriza tradições e origens”.

Para Mãe Lúcia, yalorixá do Terreiro São Jorge Filhos da Gomeia, trazer o Encontro Mauanda para Lauro de Freitas foi uma grande responsabilidade. “Embora seja a oitava edição, aqui é como se fosse a primeira. É uma emoção nova porque estamos em casa e os olhares pra nós são mais próximos”. Entre uma música e outra o Bankoma trouxe um pouco da história do terreiro e fez referência a Mãe Mirinha de Portão como exemplo de mulher, negra e atuante na defesa da sua comunidade.

Moradora de Itinga, Conceição Ferreira estava visitando o Parque Ecológico pela primeira vez e confessou que vai voltar sempre. “Adorei o parque, o Bankoma é muito lindo, e ver Carlinhos Brown junto com tudo isso foi maravilhoso”.

Secretário de Meio Ambiente, Saneamento e Recursos Hídricos de Lauro de Freitas, Alexandre Marques destacou o quanto o Parque Ecológico tem se tornado um local de fortalecimento da cultura. “O Bankoma é a cara da cidade. Trazer o último ensaio e Brown para o parque é uma satisfação. Temos que valorizar as pratas da casa”.

*Escolha da Rainha*

No final do ensaio Mãe Lúcia anunciou a rainha do Bankoma do Carnaval de 2018. Filha do terreiro São Jorge Filhos da Gomeia desde criança, Thailane Sales falou da felicidade que estava sentindo. “É uma espera desde pequena, é o sonho de toda mulher negra. Estou orgulhosa por poder representar o Bloco Afro Bankoma nos 70 anos do meu terreiro, sou filha de santo, então é uma alegria que não sei explicar”.

A prefeita Moema Gramacho, que entregou as flores para a nova rainha do Bankoma, parabenizou a Mameto e o terreiro pelos 70 anos e fez um pedido à rainha para o Carnaval. “Que essa sua beleza, que é também interior, possa irradiar alegria, muita paz e amor para o Carnaval”.

O Bankoma surgiu no ano de 2000 a partir das oficinas do Terreiro São Jorge Filhos da Gomeia, no bairro de Portão em Lauro de Freitas. É o único bloco afro de outro município que desfila no Carnaval de Salvador na quinta-feira e no sábado. Atualmente o Bankoma tem mais de 2 mil foliões e em Lauro de Freitas o desfile no bloco acontece na Quarta-Feira de Cinzas.